もみぢ🍁🍂Momiji

Momiji é o nome da árvore (Ácer no Brasil e Maple Tree no Canadá - aquela folhinha que tem na bandeira canadense).
Aqui, nesta época do ano assim como na primavera, os japoneses apreciam as folhas vermelhas, amarelas e laranjas do outono. Saem para ver a beleza delas...

Por que apreciar folhas das árvores? Bom, além de um espetáculo maravilhoso da natureza, essa cultura do "momiji" tem base no budismo (religião de boa parte dos japneses - apesar de que a maioria aqui é xintoísta).
Diz os ensinamentos budista que a vida da gente tem de ser transparente. Explico melhor: o ser humano, geralmente, apresenta duas faces. Queremos sempre apresentar o lado mais bonito, e o restante fica no quintal...
Já as folhas do momiji, no outono, mostram suas duas faces ao cair. Há um haikai (poema curto, numa tradução rápida), do monge budista Ryokan, que faz alusão a um viver transparente, no qual percebemos nossas “faces” sem tensões ou recriminações, como a folha do momiji, que troca de cor no outono e mostra suas duas faces (frente e verso) ao cair, participando naturalmente da renovação do ciclo da vida.

"As folhas de outono caem, mostrando a frente e o verso"
Ryokan


"Posso ver as folhas de bordo caindo, revoluteando ao sol do outono, mostrando as duas faces enquanto flutuam no ar até cair no chão. É uma vida natural. Sem fingimentos, sem preocupações, sem tensão. Assim como cai uma folha de bordo, assim como a água desce dos lugares mais altos, assim como a lua brilha - este tipo de vida nos dá paz e serenidade"
Gyomay Kubose Sensei (livro Budismo Essencial)


Share on Google Plus

About Say me

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.